Partilhar Lisboa

Julho 13 2010

E tenho a sensação que me estou a esquecer de algum :\

Partilhado por AnaD às 00:31

Agosto 28 2009

 

Título - A felicidade mora ao lado

Autor - Jill Mansell

Editora - Saída de Emergência

Sobre o Livro - Tudo começa com um cortador de relva vermelho novinho em folha. Quando Nancy vê o seu presente de Natal no relvado, compreende que a jóia que pensava ser para si deve estar no corpo de outra mulher. A sua melhor amiga, Carmen, não está surpresa (ela nunca gostou do Jonathan) e convence Nancy a deixar Edimburgo e a instalar-se no seu apartamento de luxo em Londres, grande demais para Carmen desde que o seu marido — uma estrela milionária do rock — morreu.

Pouco depois, Nancy conhece o delicioso Connor O’Shea — este vive mesmo ao seu lado — e a sua filha Mia, que tem grandes planos para o pai. Também Carmen, que sempre dissera não querer mais nenhum homem na sua vida, sente um arrepio quando está junto de Joe — um borracho que costuma fazer trabalho voluntário. Infelizmente Joe não é exactamente quem aparenta…

Nota Pessoal - Confesso comprei o livro por causa do cortador de relva vermelho, depois de o ter comprado achei que seria muito xaroposo, e acabei por o colocar na pilha de livros para ler, e foi aí que esteve nos últimos meses, até que me apeteceu um livro muito leve e divertido, lembrei-me do cortador de relva vermelho e comecei a lê-lo. E gostei bastante, é um livro despretensioso, e divertido, escrito de uma forma leve, mas curiosamente a Jill Mansell consegue uma coisa que aprecio bastante mas nem todos os autores o conseguem, surpreender-me! Por várias vezes quando tinha a certeza que as histórias iam tomar um determinado rumo, na realidade tomavam outro totalmente inesperado. O fim não foi muito ao meu gosto, especialmente o desfecho da história da Mia que achei despropositado. Personagens preferidas?? O Rennie e a Rose, claro!


Agosto 16 2009


Título - Escândalos Privados

Autor - Nora Roberts

Editora - Chá das Cinco / Saída de Emergência

Sobre o Livro - Desenrolando-se no glamoroso mundo da televisão, Escândalos Privados conta-nos a história de Deanna Reynolds, a apresentadora de um pequeno talk-show em ascensão. Bonita, sincera e muito profissional, Deanna decide então partir para Nova Iorque, determinada em tornar-se a melhor dentro do género. Mas isto fá-la atravessar-se no caminho da sua antiga mentora, Angela Perkins, a actual rainha da televisão e uma mulher perigosa de desafiar. Angela não hesita em roubar convidados, fazer chantagem e até atravessar os limites do bom jornalismo para combater a crescente popularidade de Deanna. E o romance desta com o famoso e encantador repórter Finn Riley, por quem Angela sempre teve uma paixão, só aumenta a tensão. Mas a prova de que as coisas podem sempre piorar é o aparecimento de um fã obcecado, que deseja Deanna só para si, e que começa a matar todos aqueles que se aproximam dela…

Nota Pessoal - Não foi o livro que mais gostei da Nora Roberts, talvez porque o universo retractado, o da televisão, especialmente os talk-shows americanos, não me é muito apelativo. Quanto ao mistério a meio do livro já apostava quase tudo naquela personagem. No entanto a meu ver o encanto da escrita da Nora não é o mistério, é a história e os personagens, e a Deanna e o Finn são um casal muito engraçado, com uma história bastante interessante.

Partilhado por AnaD às 22:22

Julho 21 2009

 

 
Titulo - O Jardim Encantado (Garden Spells)
Autor - Sarah Addison Allen
Editora -  Quinta Essência
Sobre o Livro - Num jardim escondido por trás de uma tranquila casa na mais pequena das cidades, existe uma macieira e os rumores que circulam dão conta de que dá um tipo muito especial de fruto. Neste encantador romance, Sarah Addison Allen conta a história dessa árvore encantada e das extraordinárias pessoas que dela cuidam...
As mulheres da família Waverley são herdeiras de um legado mágico — o jardim familiar, famoso pela sua macieira, que produz frutos proféticos, e pelas suas flores comestíveis, imbuídas de poderes especiais que afectam quem quer que as coma. 
Proprietária de uma empresa de catering, Claire Waverley prepara pratos com as suas plantas místicas — desde as chagas que ajudam a guardar segredos até às bocas-de-lobo destinadas a desencorajar intenções amorosas. Entretanto, a sua idosa prima Evanelle é conhecida por distribuir presentes inesperados cuja utilidade se torna mais tarde misteriosamente clara. São elas os últimos membros da família Waverley — com excepção da rebelde irmã de Claire, Sydney, que fugiu da cidade há muitos anos.
Quando Sydney regressa subitamente a Bascom com uma filha pequena, a tranquila vida de Claire sofre uma reviravolta, bem como a fronteira protectora que erigiu tão cuidadosamente em redor do seu coração. Juntas uma vez mais na casa onde cresceram, Sydney reflecte sobre tudo o que deixou para trás ao mesmo tempo que Claire se esforça por sarar as feridas do passado. E em pouco tempo as irmãs apercebem-se de que têm de lidar com o seu legado comum para viverem as alegrias do futuro que se anuncia.
Encantador e pungente, este fascinante romance irá, seguramente, enfeitiçar o leitor.
Nota Pessoal - Ofereci este livro a uma amiga no Natal passado (acho que foi no Natal), uma amiga a quem empresto sempre os meus livros, por isso tento dar-lhe livros que eu não irei comprar... depois ela empresta-me e se eu não gostar paciência - eu sou muito mais esquisitinha que ela. Comecei a lê-lo e ainda presa ao preconceito o livro não avançava, sou pouco dada a livros com histórias mágicas a atirar para o esotérico. No entanto nestas férias resolvi que ia acabar o livro, e acabei por o ler em dois dias. É uma história deliciosa, cuja essência é a ligação entre duas irmãs tão diferentes, mas com tanto em comum. É um romance que nos aquece o coração e a personagem da Bay transpira ternura em cada palavra. A escrita de Sarah Addison Allen é bastante fluida e muito cativante, dá sempre vontade de ler mais um bocadinho.
Recomendo vivamente para quem acredita que há coisa que fogem ao nosso poder ... e aos que não acreditam também!

Junho 20 2009

 

Num registo algo diferente dos anteriores, o livro da Mónica do blog Mini-Saia, também já está no mercado.

Partilhado por AnaD às 19:17

Junho 19 2009

Hoje sugiro dois livros, que em comum têm o facto de ter nascido na blogosfera, em blogs que sigo.


Eu gosto do blog da Pipoca mais doce, é divertido e despretensioso, e isso irrita muita gente que faz fila na sua caixa de comentários para dizer mal, e acho extraordinário a pachorra que ela tem para eles, eu já os tinha mandado à fava... que os pariu! A Pipoca também ganhou o concurso da mais invejada de Portugal o que deu muito lucro ao fabricante do compensan. Agora chegou a vez do livro, não será uma grande obra literária, mas aposto que será divertido, bom para uma ida à praia ou à esplanada. 



O Rafeiro Perfumado é uma das minha referências na blogosfera, é um dos meus blogs preferidos, já deu origem a um outro livro, do qual possuo orgulhosamente um exemplar autografado. E digo-vos estou em pulgas para ler os tais 20 textos inéditos. Mas isto é um prazer indoor, provavelmente com a ventoinha ligada, e um ice-tea na mão ... estou certa que vou dar muita gargalhada. Porque este Rafeiro não só é bem cheiroso como escreve bem cumó'caraças... E já cravei o autografo.


Julho 25 2008

A Sugestão Literária está de volta, desaparecida desde Março de 2007 faz agora um regresso súbito, mas esperemos que desta vez permanente, ou pelo menos mais frequente! Esta semana a escolha recai sobre um livro com uma temática sensível, a adopção.

 

Titulo – A Filha da Minha Melhor Amiga
Autor – Dorothy Koomson

Editora -  Porto Editora

Sobre o Livro - A forte relação de amizade entre Kamryn Matika e Adele Brannon, companheiras desde os tempos de faculdade, é destruída num instante de traição que marcará as suas vidas para sempre.

Anos depois desse incidente, Kamryn é uma mulher com uma carreira de sucesso, que vive sem ligações pessoais complexas, protegendo-se de todas as desilusőes. Mas eis que, no dia do seu aniversário, Adele a contacta... A amiga de Kamryn está a morrer e implora-lhe que adopte a sua filha, Tegan, fruto da sua ilícita relaçăo de uma noite com Nate.

Terá ela outra escolha? Será o perdão possível? O que estará Kamryn disposta a fazer pela amiga que lhe partiu o coração?

Nota Pessoal -  Andei meses, e quando digo meses foi se calhar mais de um ano, a pegar neste livro de cada vez que ia a uma livraria, mas acabava sempre por o deixar lá, até que certo dia decidi-me e comprei-o. Claro que depois passou pela provação da fila de espera esteve lá em casa à espera de ser lido várias semanas. No entanto assim que o comecei a ler fiquei logo absorvida pela história e li o livro num instantinho, a Tiga, a Ryn e o Luke encantaram-me, são personagens reais com o encanto da vida real, a força e a determinação que nos levam a ser corajosos quando tudo o resto nos impele a fugir. No fundo este livro ensina-nos que a maternidade está muito longe de ser biologia, e que as crianças são uma inspiração e uma fonte de aprendizagem.

Uma pequena curiosidade, só praticamente a meio do livro é que me apercebi que existia uma questão racial inerente a esta história, e não, não o percebi na capa do livro.


Março 16 2007
Hoje vou abrir uma excepção e não vou recomendar um livro já lido, e sim um que estou a ler, ainda não cheguei ao meio mas de certeza que não há maneira de me fazer mudar de ideia quanto à sua qualidade.
Titulo - Um Mundo Sem Medo
Autor - Baltasar Garzón
Editora - Ambar
Sobre o Livro - O juiz Baltasar Garzón tornou-se uma figura mediática (chamam-lhe em Espanha o Superjuiz), conhecido internacionalmente, quando decidiu dedicar a sua vida a perseguir o crime, o narcotráfego, o terrorismo e a corrupção, lutando contra a impunidade, não só em Espanha mas em todo o mundo. Casos mais conhecidos que foram possíveis graças à determinação e à integridade deste homem:
- Prisão e julgamento de Pinochet;
- Abertura de um processo para investigar lavagem de dinheiro por um dos maiores bancos espanhóis;
- Investigação de Jesús Gil (Presidente do Atlético de Madrid) por corrupção;
- Variadas acções contra organismos e pessoas ligadas às actividades terroristas da ETA;
- Levantou questões delicadas sobre o tratamento de presos (Al-Qaeda) em Guantánamo pelos EUA.;
- Solicitou ao Conselho da Europa um processo contra Berlusconi;
- Abriu a possibilidade de se levantarem, em Espanha, processos contra funcionários argentinos acusados de assassínio durante a ditadura argentina;
- Baltasar Garzón foi apresentado como candidato ao prémio Nobel da Paz.
Agora, ele decide finalmente contar estes e outros casos, com detalhes que ninguém conheceu antes, explicando as razões que justificam estas perigosas iniciativas. Um homem corajoso, cujo exemplo nos poderá inspirar a todos noutras lutas.
Nota Pessoal - Com este livro ganhei um respeito especial pelo juiz mas essencialmente pelo homem. Até me fez assinalar passagens do livro com post-its. 

Fevereiro 16 2007
Hoje vou sugerir-vos o primeiro livro que li da minha escritora fetiche, Nora Roberts, simplesmente adoro os livros dela, são romances light, salpicados de algum mistério, uns pózinhos de sobrenatural e regado por bom humor.
Titulo - Um Sonho de Amor
Autor - Nora Roberts
Editora - Arte Plural 
Sobre o Livro - Um Sonho de Amor constitui o primeiro livro da "Trilogia do Sonho", um romance enternecedor que nos dá a conhecer a vida de três irmăs de coraçăo. Laura, Margo e Kate cresceram juntas no ambiente luxuoso de Templeton House e juraram amizade eterna, mas é chegada a altura de partirem em busca dos seus próprios sonhos e Margo é a primeira a fazê-lo. Margo é deslumbrante e detentora de uma personalidade votada ao sucesso. Mas nada do que irá alcançar na sua carreira internacional como modelo fará apagar o estigma que interiormente carrega: conquistar o amor e aceitaçăo da măe. Talvez devesse ser mais doce como Laura, ou mais lógica, como Kate. Mas ela é imprevisível, espontânea e nada a detém...
Nota Pessoal - Este é um livro de menina, que me desperta para a menina que há em mim ... e isso é tão deliciosamente bom!!

Fevereiro 02 2007
Hoje vou sugerir o ultimo livro que li ... e o que eu me ri com ele ... o Bill é sempre uma boa companhia, muito divertido, simples e com um humor que está ali no meio da ironia britânica e a simplicidade americana, é sem duvida um dos meus autores preferidos.
Titulo - Notas de um País Grande
Autor - Bill Bryson
Editora - Quetzal
Sobre o Livro - Bill Bryson tem a rara capacidade de ver o melhor e o pior em toda a parte ... especialmente no seu próprio país. Isto torna-se evidente quando, após duas décadas a viver em Inglaterra, o mais querido dos escritores de viagens regressa aos Estados Unidos - que abandonara na juventude - acompanhado pela Srª Bryson e pelos filhos. Tinha lido algures que perto de três milhões de americanos estavam convencidos de terem sido raptados por estraterrestres. Como disse mais tarde, parecia-lhe claro que o país precisava dele. 
"Notas Sobre um País Grande" relata o regresso, por vezes desconcertante, de Bill Bryson à terra onde nasceu.
O resultado é um livro recheado das crises de histeria de um homem que tenta familiarizar-se com o seu país de origem, onde abundam as situações caricatas e um curioso exotismo.
Trata-se também da visão de Bryson sobre um dos mais estranhos fenómenos da actualidade: o "american way of life".
Nota Pessoal - Gosto de livros de crónicas ... e gosto de Bill Bryson, logo à partida este livro só me poderia agradar, mas foi a escrita inteligente e carinhosa de "Americanish" que mais uma vez me cativou, fiquei com a sensação (boa) que os estados unidos são apenas mais um país de entre tantos, pois Bill Bryson tanto nos mostra as maravilhas da america como a seguir desvenda as particularidades mais exasperantes.

Janeiro 19 2007
 

Mais uma biografia, desta vez de um dos maiores vigaristas da história, Frank Abagnale.  

 
 
 
 
 

Titulo - Agarrem-me se puderem
Autor - Frank W. Abagnale e Stan Redding
 

 

Editora - Publicações Europa-America
 

 

Sobre o Livro - Frank W. Abagnale, também conhecido como Frank Williams, Robert Conrad, Frank Adams e Robert Monjo, foi um dos mais audazes vigaristas, falsificadores e impostores de toda a história. Na sua breve mas notável carreira, Abagnale vestiu um uniforme de piloto e co-pilotou um avião da Pan American, foi pediatra num hospital sem ter acabado o liceu, praticou advocacia sem licença, deu aulas de Sociologia na faculdade e levantou mais de 2,5 milhões de dólares com cheques forjados, tudo isto antes de alcançar os 21 anos de idade. Procurado pela Polícia de todo o mundo, Abagnale viveu uma vida de aventura e de luxo - até a lei lhe deitar a mão. Frank Abagnale é um encantador patife cujas hilariantes peripécias, mais estranhas que a própria ficção, e engenhosas fugas tornam Agarrem-me se puderem uma irresitível narrativa, um livro que cativa da primeira à última página.
 

Frank W. Abagnale é hoje um dos mais conceituados especialistas mundiais em contrafacção e segurança de documentos. Trabalhou por mais de vinte e cinco anos com a Unidade de Crimes Financeiros do FBI e ensina presentemente nas suas academias. Fundador de uma empresa de segurança de documentos sediada em Washington, DC, faz regularmente palestras a nível mundial. Vive no Midwest com a esposa e três filhos. 
 

Nota Pessoal - Este livro foi posteriormente adaptado ao cinema pelo Steven Spileberg, com Tom Hank, Leonardo DiCaprio e Christopher Walken nos principais papéis. Mas são obras bem diferentes na essência, neste caso continuo a preferir o livro. Não é uma obra prima, mas sim um relato de uma vida, uma boa história bem contada. 


Janeiro 05 2007
Para primeira sugestão literária de 2007 deixo-vos o livro que me acompanhou de 2006 para 2007, sobre a vida deste cão tão tresloucado que nos apaixona!
 

Titulo - Marley & Eu: A vida e o amor do pior cão do mundo
Autor - John Grogan

Editora -

Sobre o Livro - A história enternecedora e inesquecível de uma família e do seu cão mal comportado que ensina o que realmente importa na vida.

 

 

Esta podia ser a sua história.
 

Chamavam-se John e Jenny, eram jovens, apaixonados e estavam a começar a sua vida juntos, sem grandes preocupações, até ao momento em que levaram para casa Marley, «um bola de pêlo amarelo em forma de cachorro», que, rapidamente, se transformou num labrador enorme e encorpado de 43 quilos. Era um cão como não havia outro nas redondezas: arrombava portas, esgadanhava paredes, babava-se todo por cima das visitas, roubava roupa interior feminina e abocanhava tudo a que pudesse deitar o dente. De nada lhe valeram os tranquilizantes receitados pelo veterinário, nem, tão pouco, a «escola de boas maneiras», de onde, aliás, foi expulso.
Só que Marley tinha um coração puro e a sua lealdade era incondicional. Partilhou a alegria da primeira gravidez do casal e o seu desgosto com a morte prematura do feto, esteve sempre presente no nascimento dos bebés ou quando os gritos de uma vítima de esfaqueamento ecoaram pela noite dentro. Conseguiu ainda a «proeza» de encerrar uma praia pública e arranjou um papel numa longa-metragem, através do qual se fartou de «conquistar» corações humanos.
A família Grogan aprendeu, na prática, que o amor se manifesta de muitas maneiras... e feitios.
Nota Pessoal - Há muito tempo que um livro não me tocava tão fundo, já nem me lembro quando foi a ultima vez que chorei emocionada com um livro. Com o Marley as lagrimas escorriam-me cara abaixo, mas ao mesmo tempo sorria com a imagem ternurente de deste cão amoroso.

Dezembro 29 2006
 

Para ultima sugestão literária de 2006 deixo-vos uma autora cujos livros para mim são é como um bombom, simples deliciosos ... Agatha Christie!
 

Titulo - Um crime no Expresso do Oriente
Autor - Agatha Christie

 

Editora - Asa
 

Sobre o Livro - Pouco depois das doze batidas da meia-noite, um nevão obriga o Expresso do Oriente a parar. Para aquela época do ano, o luxuoso comboio estava surpreendentemente cheio de passageiros. Só que pela manhã havia, vivo, um passageiro a menos. Um homem de negócios americano jazia no seu compartimento, apunhalado até à morte. Poirot aceita o caso, aparentemente fácil, que acaba por se revelar um dos mais surpreendentes de toda a sua carreira. É que existem pistas (muitas!), existem suspeitos (muitos!), sendo que todos eles estão circunscritos ao universo dos passageiros da carruagem. Para ajudar às investigações, o morto é reconhecido como sendo o autor de um dos crimes mais hediondos do século. Com a tensão a aumentar perigosamente, Poirot acaba por esclarecer o caso…de uma maneira a todos os títulos surpreendente!
 

 

Nota Pessoal - É um dos mais conhecidos livros da autora, e conta como herói a minha personagem preferida, Hercule Poirot, que para mim terá sempre o ar afavel e patusco do magnifico actor David Suchet.


Dezembro 15 2006
 

Hoje vou sugerir um livro que mais do que se ler, é para se ir lendo. Apesar de já ter algumas decadas, continua assustadoramente real.


Titulo - O Mundo de Mafalda
Autor - Quino

 

Editora - Bertrand

Sobre o Livro - O livro inclui as tiras, os inéditos, os testemunhos, muitas curiosidades sobre o mundo de Mafalda e dos seus amigos.

 

 

Mafalda, a menina argentina mais conhecida do mundo, é uma personagem de quadradinhos criada pelo autor QUINO (Joaquín Salvador Lavado).
Umberto Eco definiu a Mafalda como uma “heroína iracunda que rejeita o mundo assim como ele é [...] reivindicando o seu direito de continuar sendo uma menina que não quer se responsabilizar por um universo adulterado pelos pais”.
 

Nota Pessoal - Eu simplesmente adoro a Mafalda, cresci com ela, identifiquei-me com ela na sua insistencia em não abdicar dos seus principios.

Lisboa é a minha cidade, é quem sou e condiciona o que penso e o que sinto, por isso ao partilhar Lisboa, partilho angústias e alegrias, revoltas e compreensão ... no fundo é um local de partilha de sentimentos!
mais sobre mim
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

29
30


pesquisar
 
Contómetro

2013 Reading Challenge

AnaD Domingos has read 0 books toward her goal of 24 books.
hide
comentários recentes
Bom diaAcordei bem disposto e também me apetece p ...
ahahah
http://muitaviagem.com.br/reveillon-2016-ano-novo-...
É nuito bonito voçes me fizeram mais feliz
Que aspecto delicioso! Adoro! Bjs bom fim de sema...
Olá Ana! Recebi o teu postal, através do PPC, ador...
Grande Webber, sem capacete! Vou ter saudades dest...
Pois, não foi ontem.Acho mesmo que será o melhor ...
Será já amanhã? Já tem a Pole...A ver vamos, boa s...
Li este post já tem um tempão, mas sinto o mesmo q...
Talvez depois do Seb ser campeão (como se fosse po...
blogs SAPO
RSS