Partilhar Lisboa

Setembro 27 2011

Este blog fez 6 anos no passado dia 10 de Setembro. Foram 1201 posts e 7191 comentários. Tem sido uma viagem com alguns buracos na estrada, muitas paragens para reabastecimento, não faço ideia de qual será o destino final, mas como todas as grandes roadtrips o que conta é a viagem não o destino.

 

Partilhado por AnaD às 23:43

Setembro 23 2011

Tinha quase nove anos e uma curiosidade imensa, característica que ainda hoje me acompanha e espero que acompanhe para sempre, mesmo miúda sempre senti enorme fascínio pelo espaço, o "big bang" colidia com as coisas que ouvi na catequese, começava o início de uma enorme luta que tenho, o conceito de espaço infinito, e começava o encanto pelo que nos rodeia, literalmente, neste planeta azul. Por isso naquele dia estava fascinada com o facto de ver o lançamento de um vaivém espacial em directo e este era especial, tinha um professora a bordo, uma professora normal e não uma daquelas pessoas que aos meus olhos eram seres que mereciam uma reverência, os astronautas. Já nesta altura tinha visto várias fotos (que falta me fez o youtube) da alunagem, do passo de Neil Armstrong, a foto da equipa da Apolo 13. Naquele dia dentro daquela nave, junto destas pessoas especiais, ia uma professora, normal, uma pessoa como eu, até podia ser a D. Laura (a minha professora primária).

De repente o espaço estava mais perto de mim. Dizem que durou 73 segundos, para mim durou o tempo de um sonho.

Quando o Challenger explodiu, não percebi, não é que não tenha entendido que se tinha desintegrado, não percebi como é que aquilo podia acontecer, era uma miúda, sabia que já tinha havido acidentes, mas ali naquele dia ia uma professora e as professoras não se desintegram a caminho do espaço.

 

 

Partilhado por AnaD às 00:09

Setembro 22 2011

Sempre que se fala em momentos históricos que nos marcaram, este é o primeiro que me ocorre. Tinha acabado de fazer sete anos, nessa madrugada estava a dormir quando o meu pai foi ao meu quarto e me acordou, lembro-me da minha mãe resmungar para ele me deixar dormir, mas o meu pai insisitia para que me levantasse para ver "história a acontecer", e foi assim que estremunhada vi os ultimos km da maratona masculina dos Jogos Olimpicos de Los Angeles, e foi quando vi Carlos Lopes no pódio, ao ver a bandeira a subir e a ouvir o hino tocar, foi nesse momento que pela primeira vez me emocionei com esta coisa de ser Portuguesa. E agradeço ao meu pai por me ter ido acordar.

 

Partilhado por AnaD às 01:11

Setembro 22 2011

Mas digam-me quais os momentos históricos que viveram, ainda que pela rádio, TV ou internet, e que mais vos marcaram. 

 

(e não, não presenciei o momento histórico retractado acima)

Partilhado por AnaD às 00:40

Setembro 15 2011

Mas não gosto do dueto do grande Tony Bennett com a Amy Winehouse!

 

E o que é que isto interessa? Nada, mas queria escrever qualquer coisa no blog.

Partilhado por AnaD às 10:11

Setembro 08 2011

Eu sou peculiar no modo como vivo, como sinto. Os últimos tempos não têm sido fáceis, tenho chorado muitas vezes, e quando choro cada lágrima, cada soluço vêm carregados de sofrimento e de dor. E tenho-me zangado e, quando me zango, um calor intenso completa-me. Dizem-me que faço mal em viver assim, que me desgasto, eu compreendo que impressione quem me vê mal, mas eu não concordo, para mim passar pela vida sem sentir é no mínimo um desperdício. Eu sofro, eu magoo-me mas quando me rio é da ponta do dedão do pé até ao couro cabeludo, rio-me com a barriga e até acordo o porquinho que há em mim, sorrio com os olhos e amo com muito mais que o coração. Todas as emoções que existem devem ser vividas. No fim, se pesar prós e contras, vale muito a pena, vale cada lágrima e cada grito, aceito que nem toda a gente consiga viver assim, há muitas outras formas várias de se viver, nem melhores nem piores, eu só tenho pena daqueles que vivem no limbo, que nunca estão tristes, mas também nunca estão felizes, não sentem dor, mas nunca vão conseguir apreciar a felicidade, e eu tenho pena destas pessoas porque nunca vão entender isto: 

 

Partilhado por AnaD às 10:01

Setembro 07 2011

 

Andam a fazer obras no telhado do prédio ao lado do meu, sendo que, o entulho é lançado por uma conduta até ao contentor, na via, o prédio tem 6 andares! Começaram a lançar entulho pouco passava das 8h, foi uma bela maneira de acordar não há dúvida.

Andam a fazer obras num andar no prédio onde trabalho, estou o dia todo a ouvir o tuc-tuc dos martelos.

Trabalho rodeada de engenheiros e arquitectos.

 

 

Sempre que vejo este sinal, fico nervosa!!!!

 

 

Partilhado por AnaD às 10:01
Tags:

Lisboa é a minha cidade, é quem sou e condiciona o que penso e o que sinto, por isso ao partilhar Lisboa, partilho angústias e alegrias, revoltas e compreensão ... no fundo é um local de partilha de sentimentos!
mais sobre mim
Setembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16
17

18
19
20
21
24

25
26
28
29
30


pesquisar
 
Contómetro

2013 Reading Challenge

AnaD Domingos has read 0 books toward her goal of 24 books.
hide
comentários recentes
Bom diaAcordei bem disposto e também me apetece p ...
ahahah
http://muitaviagem.com.br/reveillon-2016-ano-novo-...
É nuito bonito voçes me fizeram mais feliz
Que aspecto delicioso! Adoro! Bjs bom fim de sema...
Olá Ana! Recebi o teu postal, através do PPC, ador...
Grande Webber, sem capacete! Vou ter saudades dest...
Pois, não foi ontem.Acho mesmo que será o melhor ...
Será já amanhã? Já tem a Pole...A ver vamos, boa s...
Li este post já tem um tempão, mas sinto o mesmo q...
Talvez depois do Seb ser campeão (como se fosse po...
blogs SAPO
RSS